Defesa Civil faz vistoria e confirma interdição da Igreja de Nossa Senhora da Conceição

Edição e Fotos: Phablo Monteiro 03/07/2017 19:40  Destaque


A Defesa Civil de Atalaia, junto com a Defesa Civil do Estado de Alagoas, realizou na tarde desta segunda-feira (03), vistoria técnica em uma das torres da Igreja centenária de Nossa Senhora da Conceição. A inspeção foi uma solicitação da Paróquia à Defesa Civil do município, após aparecerem grandes rachaduras na parte interna e externa.

A Defesa Civil fez um levantamento fotográfico, da funcionalidade da estrutura que compõe o prédio da Igreja, além da identificação das anomalias visíveis. Entre as situações detectadas pelo órgão destaca-se a formação de fendas em paredes, decorrentes da grande infiltração que vem atingindo esta área especifica do prédio.

Segundo o secretário municipal de Defesa Civil, Massilon Mendes, a continuada infiltração contribuiu para o desgaste da estrutura e que a rápida evolução das rachaduras que começaram a se tornar visíveis apenas no último sábado, confirma isso. “Certamente existe um movimento lento, sucessivo e gradual que se tornou visível em decorrência das fortes chuvas dos últimos dias e que recomenda uma intervenção para correção, recuperação desses pontos que em princípio são os mais importantes, não só visando preservação do patrimônio histórico, mas principalmente a preservação de vidas", afirmou o secretário, que logo após a constatação das rachaduras, isolou de imediato a área.

De acordo com o Pároco Manoel Francelino, a recomendação do Arcebispo da Arquidiocese de Maceió, Dom Antônio Muniz Fernandes, foi que a Paróquia buscasse de imediato a avaliação de engenheiro civil, fechasse a Igreja e solicitasse o isolamento da área para não colocar em risco a vida das pessoas. “Preocupados com a prevenção de vidas, solicitamos o isolamento da área e chamamos a Defesa Civil, para que mediante a avaliação dos engenheiros, possam nos dar um laudo para que possamos tomar as providências necessárias para realizar essa reestruturação da parte afetada o mais rápido possível”.

O engenheiro da Defesa Civil do Estado de Alagoas,o sargento Alex Sander, foi o responsável por realizar essa vistoria ao lado do secretário Massilon Mendes. “No laudo que será elaborado constará a questão dos riscos existentes, como também das orientações sobre os procedimentos que devem ser adotados. Serão avaliadas as formas de recuperar essa estrutura, que teve uma aparição de rachaduras de uma forma muito rápida e estruturalmente falando isso não é muito bom. Foram rachaduras que apareceram de sábado para cá e isso requer um cuidado muito grande, porque já verificamos que essas rachaduras estão associadas às infiltrações e como estamos em um período chuvoso, quanto maior essa infiltração, mais frágil estará essa estrutura e terá o risco de desmoronamento”, destacou o representante da Defesa Civil do Estado.

De acordo com o engenheiro, a previsão é que o laudo esteja pronto dentro de 15 dias.

Além do isolamento da área, principalmente no trecho da Rua Fernando Godin, próximo a Igreja. A Defesa Civil, ainda avalia outras medidas junto com a Guarda Municipal, incluindo a diminuição do fluxo de carros na Rua Marechal Deodoro nesta área especifica.

 

Galeria de Fotos

Notícias Relacionadas