Chico Vigário prestigia assinatura do decreto que desonera melaço e aumenta competitividade de usinas

Edição: Phablo Monteiro - Fonte: Agência Alagoas - Fotos: Agência Alagoas e Divulgação 14/11/2017 12:00  Cidade


O prefeito do município de Atalaia, Chico Vigário, esteve na manhã desta terça-feira (14), no Palácio do Governo de Alagoas, prestigiando a assinatura do decreto que desonera o ICMS na saída do melaço de cana que é produzido nas usinas instaladas em Alagoas. Com a medida, o governador Renan Filho visa aumentar a competitividade da indústria da cana de açúcar.

Além do prefeito, estiveram presentes o secretário de Estado da Fazenda, George Santoro, o secretário de finanças de Atalaia Júnior Vigário, o presidente da Câmara Municipal de Atalaia Alexandre Tenório, o presidente da Coopervales Agroindustrial Túlio Tenório e demais representantes da indústria, que foi responsável pela reabertura da antiga Usina Uruba, em Atalaia. A Coopervales é a maior incentivadora da desoneração do melaço.

Para o governador Renan Filho, o incentivo busca fortalecer um dos setores mais importantes da economia de Alagoas. “Desonerar essa produção significa, sobretudo, garantir mais competitividade a uma indústria que renasce. Competir nesse mercado mundial é difícil. No ano passado, nós tivemos preços muito bons, acima da média. Estávamos com o dólar alto e preço alto. Foi um ano excepcional. Este ano, o dólar e o preço estão mais baixos. Isso é um desafio, mas, com a redução do ICMS, a gente visa equilibrar um pouco essa variação no melaço, que é um produto importante”, observou Renan Filho.

De acordo com o prefeito Chico Vigário, essa medida é de grande importância, pois melhora a saúde financeira da Coopervales, mantendo os empregos, que hoje são tão essenciais para Atalaia. “Temos trabalhado muito para a recuperação da região e a cooperativa faz parte desse processo. O governador é um parceiro dos municípios e tem nos incentivado a manter a nossa motivação”, disse o prefeito em entrevista ao site Agência Alagoas.. 

O presidente da Coopervales Agroindustrial, Túlio Tenório, avalia que o decreto vai ajudar o setor a superar as dificuldades encontradas na safra deste ano. “Esse ato chega em boa hora, em uma safra difícil, com uma retração dos preços no mercado internacional e no mercado interno. Esse decreto vai ser muito importante para ajudar a saúde financeira da cooperativa e manter o nível de empregos, que é o mais importante para a região de Atalaia. O governador Renan Filho apostou na cooperativa e foi o maior incentivador da reabertura da Usina Uruba. Todos que fazem parte da cooperativa serão sempre gratos ao governador”, disse Túlio Tenório.

 

Notícias Relacionadas