Escritores atalaienses lançam livros em noite cultural promovida pelo NACA

Edição e Fotos: Phablo Monteiro 25/11/2017 17:00  Destaque


Na noite desta última sexta-feira (24), a Casa de Cultura do município de Atalaia, voltou a ser palco de mais um grande evento cultural na cidade, recebendo de braços abertos dois filhos ilustres dessa terra, Cícero Albuquerque e Tito Cavalcante de Alencar, para o lançamento de suas últimas obras literárias. O evento, intitulado NOITE LITERÁRIA, foi uma realização do Núcleo Atalaiense de Cultura e Arte – NACA e contou também com apresentações musicais de artistas da terra e declamação de poemas através dos jovens que compõe a Turma do Livro.

O livro CAMPESINATO E MIGRAÇÃO EM ALAGOAS, do professor da Universidade Federal de Alagoas - UFAL, Cícero Albuquerque, trata-se de uma análise histórico-sociológica sobre o tema, registrando a resistência campesina por meio da migração.

“O evento de ontem cumpriu dois importantes objetivos, apresentar e divulgar os nossos trabalhos. O trabalho de Tito Cavalcante de Alencar é um livro de poesia. Tito é um atalaiense que ama Atalaia e nós devíamos isso a ele. O meu livro, em síntese, é uma análise histórica e sociológica sobre a formação social de Alagoas. Ele está tendo uma boa aceitação. Tenho lançado ele em vários municípios, não seria certo não fazê-lo aqui. Foi muito gratificante. O outro objetivo, também alcançado, foi fortalecer a Casa de Cultura, mostrando que ela está viva e que a nossa luta continua”, destaca Cícero Albuquerque.

Para Cícero, a divulgação e a promoção da literatura edificam uma sociedade melhor. “Ontem, como noutras oportunidades desde que reativamos a Casa de Cultura, temos incentivado a escrita e a leitura. Ler e escrever são atividades fundamentais. Quem produz sente necessidade de mostrar e os novos talentos precisam de espaços e oportunidades. Temos feito isso e o NACA vem cumprindo esse papel muito importante, de incentivar o hábito da leitura”, comentou.

Membro da Academia Alagoana de Cultura, o escritor atalaiense Tito Cavalcante de Alencar escreve poesias desde os seus 13 anos de idade, quando ainda residia em Atalaia, na década de 50. Sua primeira poesia, intitulada “Deus”, foi escrita na ponte que liga o centro da cidade ao bairro Nova Olinda, quando essa ainda era de madeira. Este belo poema está no livro lançado no ano de 2002, com o título “Rosa vermelha para uma linda mulher”.

Durante o evento, Tito teve a oportunidade de voltar a sua terra natal que tanto ama, não apenas para apresentar sua nova obra literária, o livro FÚCSIA – Crônicas e Poemas, mas também para relembrar histórias que marcaram sua vida e receber de seus conterrâneos manifestações de carinho e admiração.

“Foi um imenso prazer estar com todos os meus amigos conterrâneos, podendo presenciar essa beleza da natureza que é justamente a minha cidade natal de Atalaia. Fiquei muito orgulhoso de ver pessoas bastante significativas para estar neste momento comigo e conosco, repassando de alguma forma para todos os demais atalaienses a liberdade da poesia, da crônica e dos causos. Fiquei muito feliz mesmo por estar com todos os meus conterrâneos. Muito obrigado por esse momento e espero estar de novo com vocês o mais breve possível”, destacou emocionado Tito Cavalcante, que compareceu ao evento ao lado de seus familiares e garantiu a todos que o seu próximo livro, que será publicado em 2018, também será lançado na cidade de Atalaia. 

O evento foi prestigiado por um grande público, contando com a participação do vereador Quinho do Portão, da ex-vice prefeita de Atalaia a professora Flavia Monteiro, do ex-pároco de Atalaia padre Arnaldo Bernardo, o presidente do SEATA Fábio Cirilo, o musico e advogado Anderson Ricardo e demais presentes que abrilhantaram ainda mais esse lindo evento.

 

Galeria de Fotos

Notícias Relacionadas