Instituto Deus É Fiel beneficia centenas de famílias carentes com a distribuição gratuita de alimentos

Edição: Phablo Monteiro - Fotos: Divulgação 26/11/2017 23:30  Destaque


Criado há três anos, o Instituto Deus É Fiel continua desenvolvendo importantes ações sociais que beneficiam centenas de famílias carentes do município de Atalaia. Nos dias 23 e 24 de novembro, realizou a distribuição de forma gratuita, de mais de 1.308 quilos de alimentos para famílias dos Residenciais Deus É Fiel (23) e Maria de Nazaré (24), que são cadastradas no Instituto.

Foram 465 quilos de macaxeira, 450 quilos de batata e 393 quilos de feijão verde, adquiridos pelo Instituto Deus É Fiel através da Companhia Nacional de Abastecimento (CONAB), por estar devidamente cadastrado no Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), do Governo Federal. A ação beneficiou diretamente 106 famílias do Residencial Maria de Nazaré e 193 famílias do Residencial Deus É Fiel, possibilitando uma maior segurança alimentar dessas famílias carentes. Atualmente o Instituto vem realizando essas entregas de alimentos quinzenalmente.

Para o diretor presidente do Instituto Deus É Fiel, Cícero Barbosa, o trabalho vem ajudando a melhorar de alguma forma a qualidade de vida dessas famílias. “Este programa do PAA assegura o direito à alimentação adequada para a população mais carente e é uma grande ajuda para essas famílias do Deus É Fiel e do Maria de Nazaré. Nós que fazemos parte do Instituto ficamos felizes em saber que de alguma forma estamos ajudando a melhorar a qualidade de vida dessas famílias”, destacou. 

Além da distribuição de alimentos, o Instituto Deus É Fiel, atualmente realiza um trabalho social na área esportiva, através da Escolinha de Esportes Deus É Fiel, dando oportunidade às crianças e aos adolescentes da região, praticarem um esporte. Também se prepararam para desenvolver outras ações nessas localidades. “Estamos montando para o próximo ano uma sala de informática, que nos possibilitará dar pequenos cursos para toda comunidade, disponibilizando também acesso livre e de forma gratuita a Internet”, comenta Cícero Barbosa, enfatizando que o objetivo é minimizar as dificuldades enfrentadas por essas famílias.

“Sabemos que infelizmente é grande a discriminação que essas famílias do Deus É Fiel enfrentam, principalmente por ter sido um conjunto invadido. A maior parte da cidade tem naquele pessoal uma imagem pejorativa, mas eu sei que não é isso. Até porque, já têm três anos que faço esse trabalho social dentro daquela comunidade e já desenvolvemos alguns projetos, como o Sopão Solidário e a Escolinha de Futebol, onde através do Instituto conseguimos fazer aquele campo de futebol”, concluiu o presidente.

 

Notícias Relacionadas