Defesa Civil de Atalaia participa da apresentação das ações para o período chuvoso em AL

Edição: Phablo Monteiro - Fotos: Divulgação 03/04/2018 13:30  Cidade


O secretário de Defesa Civil do município de Atalaia, Massilon Mendes, que também é coordenador da regional Vale do Paraíba, participou na manhã desta terça-feira, dia 03 de abril, da apresentação do Plano Interinstitucional para o período chuvoso em Alagoas, que vai de 15 de abril a 15 de agosto. A reunião, comandada pelo coordenador Estadual de Defesa Civil, Major BM Moises, contou com órgãos ligados à Defesa Civil de todo o Estado e foi realizada no Palácio República dos Palmares.

O objetivo da reunião foi buscar um planejamento conjunto com órgãos do Governo Federal e do Governo Estadual, para atenuar de forma ágil os efeitos provocados pelas chuvas, principalmente nos casos em que a resposta dos municípios não seja suficiente.

Na oportunidade, a cidade de Atalaia foi destaca por todos que usaram a palavra, como referência no Estado, já que é uma das poucas no Estado que possui Plano de Contingência, Plano Operacional e Lei. “Nenhum município do Estado apresenta a organização que Atalaia tem em termos de Legislação e essa organização fez com que Atalaia se torna-se o terceiro município do Estado a obter um certificado da ONU de resiliência, por conta da capacidade de absorver o evento e se recuperar rapidamente”, lembra o secretário Massilon Mendes, destacando todo o apoio do prefeito Chico Vigário para tornar isso possível.

Em sua fala durante a reunião, Massilon Mendes, que fez parte da mesa de discussão, trouxe o exemplo de Atalaia e destacou a importância da efetivação das coordenadorias municipais de Defesa Civil. “Muitos municípios têm suas Defesas Civis criadas de forma verbal, mas é importante que se tenha os documentos e o diploma legal que habilitem esses profissionais na realização desse trabalho. Só com essa efetivação, iremos ter uma resposta melhor para um evento de má ventura, venha acontecer. É muito importante essa integração dos municípios e demais órgãos em torno de operações iguais a essas”, destacou o secretário.

O coordenador, Major BM Moises, em sua fala destacou que esse plano demonstra a competência de cada órgão, sobre o que fazer e de que forma atuar. “É uma forma de nos prepararmos para o pior e, se vier uma tempestade, estamos prontos para salvaguardar a vida dos alagoanos", destacou.

 

Notícias Relacionadas