No Dia da Mulher, NACA realiza uma linda homenagem para grandes mulheres atalaienses

Edição: Phablo Monteiro - Fotos: NACA 09/03/2018 11:00  Cidade


Para comemorar e homenagear as mulheres atalaienses no Dia Internacional da Mulher, celebrado nesta quinta-feira, dia 8 de março, o Núcleo Atalaiense de Cultura e Arte (NACA) preparou uma noite especial dedicada às grandes mulheres do município. Pelo segundo ano consecutivo, desde que foi reaberta em 2017, a Casa da Cultura reviveu grandes momentos de sua historia, para receber mulheres de destaque em nossa sociedade, que acompanhadas por familiares, fizeram uma festa repleta de emoções.

Foram quatro as mulheres homenageadas nesta noite, sendo que diferentemente do que aconteceu na primeira edição, uma mulher foi homenageada em memória, a professora Fernanda Camêlo Cabral, falecida no ano de 2014. As outras homenageadas foram às professoras Maidy Rocha e Jilsete Braz (Babi) e a pedagoga Joselir Ferreira, uma grande guerreira e lutadora em defesa das causas dos portadores de necessidades especiais. Além de passar em um telão a biografia de cada uma, foram entregues um placa alusiva ao Dia Internacional da Mulher.

Um dos ápices da cerimônia foi a linda homenagem prestada a Dona Fernanda, como era conhecida pela sociedade atalaiense. Na oportunidade filhos, filhas, genro, netos, bisnetos e demais familiares, estiveram representando a homenageada. Quem recebeu a placa entregue pelo NACA, foi seu filho, o grande artista da terra, Jerônimo Miranda, que abrilhantou o evento com sus presença e emocionado, agradeceu a homenagem.

Fernanda Camêlo Cabral, a Dona Fernanda, natural de Atalaia, nasceu em 06 de abril o de 1937. Pertencente a duas das mais tradicionais famílias do município, casou com o senhor Jerônimo Lopes de Miranda Cabral, com quem teve seis filhos e constituiu uma grande e respeitada família na sociedade atalaiense. Seu dom artístico, herdado especialmente pelo seu filho Jerônimo Miranda, ajudou no sustento da casa. Foi professora de artes decorativa no SESI em Atalaia, foi professora de artes decorativa na Prefeitura Municipal de Atalaia.

Outra homenageada, foi a Educadora Maria José Vieira da Rocha, a Maidy Rocha, nasceu em terras atalaienses no ano de 1952. Desde criança a paixão pela Educação estava presente na vida de Maidy, pois nessa época já gostava de brincar de ser professora, usando para isso, as paredes da sua casa como quadro negro. É graduada e pós-graduada em Pedagogia pela UFAL.

Único político presente ao evento, o vereador Quinho do Portão, um dos principais nomes na luta pela reabertura da Casa da Cultura, destacou a importância da realização de eventos como esse. “É um momento para valorizar essas mulheres guerreiras que tanto bem fizeram ou continuam fazendo por esta nossa Atalaia”, destacou.

A noite contou também com apresentações musicais de artistas da terra, a exemplo da cantora Rosana Costa e do cantor Júnior Rocha, vocalista da Banda Axé Love.

 

Fotos 1 e 2 - Fernanda Camêlo Cabral

Fotos 3 e 4 - Maidy Rocha

Foto: Professora Babi

Foto: Joselir Ferreira

Galeria de Fotos

Notícias Relacionadas